Cairu: Presidente da Câmara diz que TV garantirá transparência e aproximará legislativo da população

O Presidente da Câmara de Cairu, Diego Meireles, que presidiu a sessão realizada nesta sexta-feira (6), no retorno dos trabalhos legislativos, em entrevista ao radialista Zito Carvalho, da Rádio MC, de Ituberá, comentou sobre a inauguração da TV Câmara, canal de comunicação no Youtube e Facebook, que, segundo ele, deve aproximar as ações dos vereadores à comunidade cairuense.

“A nossa TV Câmara vai proporcionar mais transparência aos trabalhos do legislativo e aproximar o trabalho dos parlamentares à população, que, agora, terá acesso, de suas casas, aos trabalhos realizados na Câmara”, pontuou.

Diego disse esperar que TV Câmara seja prestigiada pela população, sobretudo as pessoas que moram mais distantes da sede do município e que têm dificuldade em acompanhar presencialmente as sessões.

Sessão da Câmara de Vereadores de Cairu, início dos trabalhos do segundo semestre de 2021.


“Esperamos agora neste segundo semestre estar mais próximos da população e, graças à Deus, com essa ferramenta e com os vereadores apoiando o executivo, vamos continuar nosso trabalho para que possamos voltar a ser o terceiro polo turístico da Bahia, principalmente após o fim dessa pandemia, quando teremos tudo para voltar a crescer”, afirmou, Diego.

Ao recordar projetos já executados em Cairu, em parceria com a prefeitura, Meireles, ressaltou a importância de pelo menos dois grandes projetos executados pela gestão municipal, citando a autorização da Câmara ao Poder Executivo a promover eventos turísticos e culturais, em parceria público-privada, com a finalidade de poupar recursos públicos municipais.

Outra ação destacada pelo presidente do Legislativo foi o projeto para a retirada do lixo doméstico das ilhas. Meireles disse que já a partir deste mês de agosto todo o resíduo sólido de Cairu não será mais descartado em lixões, atendendo a um anseio antigo da população.

“A partir deste mês de agosto já não será mais jogado nenhum resido nos lixões nas ilhas. Esse lixo será tratado e retirado das ilhas para um aterro adequado e preparado para receber esses resíduos”, concluiu.

Da Redação | Foto: Marcelo Dutra

novocardestúdio.jpg
CARROFEED.jpg
cairu007.jpeg
pilates1 (3).png
vostokfeed.jpg
cardsimple1.jpg