Anvisa libera produção do ventilador pulmonar de baixo custo da USP

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a produção do ventilador pulmonar Inspire, desenvolvido pela Escola Politécnica (Poli) da Universidade de São Paulo (USP). De acordo com a universidade, o órgão autorizou a fabricação, comercialização e doação dos equipamentos a partir do dia 13 de agosto.

Um grupo, de aproximadamente 200 pesquisadores da USP, desenvolveu o respirador de uso emergencial, que pode ser produzido em até duas horas e é 15 vezes mais barato dos que os aparelhos disponíveis no mercado.

“Conseguir viabilizar um produto inovador do zero, em poucos meses, é um feito notável para os padrões brasileiros. Apesar dos avanços, nós, como nação, temos que melhorar nossos processos de inovação para sermos mais competitivos internacionalmente”, disse o professor Marcelo Zuffo, um dos coordenadores do estudo.

Em abril, o aparelho foi testado em animais com resultados promissores e, em seguida, em humanos. 

novocardestúdio.jpg
CARROFEED.jpg
cairu007.jpeg
pilates1 (3).png
vostokfeed.jpg
cardsimple1.jpg