ACM Neto diz que, caso eleito, vai modificar sistema de regulação do estado

"Nós vamos mudar a sistemática de definição de leitos", garantiu o ex-prefeito de Salvador.

O pré-candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (União Brasil), voltou a defender, nesta terça-feira (2), a urgência da modificação da regulação da saúde pública do Estado. Em entrevista à Rádio Sociedade da Bahia, o ex-prefeito de Salvador disse que, caso eleito, vai tirar algumas demandas do sistema. Uma das medidas defendidas pelo gestor para que a espera na regulação diminua, é a regionalização do atendimento.


“Vai ter que modificar. É imperioso e inevitável. Da para acabar com a regulação? Não. Não vou ficar fazendo promessa para enganar o povo, ter o voto, e depois não fazer. Vai ser preciso rever completamente a regulação. O que a gente vai fazer? Nós vamos trazer tecnologia e profissionais capacitados no Estado todo. Nós vamos mudar a sistemática de definição de leitos. Nós vamos tirar da regulação algumas demandas que não podem esperar. Por exemplo: sujeito teve um acidente e sofreu um politraumatismo. Ele não pode esperar. Ele tem que ter o atendimento imediato. Certos procedimentos, pelo caráter urgente, vão ser retirados da regulação”, garantiu ACM Neto.


do Bahia.Ba